Cólica em Bebê – 9 Dicas Para Aliviar

A cólica em bebês é muito comum a partir da segunda semana de vida, normalmente causam muita dor e desconforto, acarretando choro constante no bebê.

Cólica em Bebê

As cólicas podem ser causadas por várias situações, como ingestão de ar na hora de mamar, consumo de alimentos que produzem muitos gases ou relacionado a intolerância a algum alimento ou componente e também imaturidade do intestino do bebê.

Uma das maneiras para aliviar as cólicas é usar compressa de água morna na barriga do bebê, massagear a barriga com movimentos circulares e colocar o bebê para arrotar depois de cada mamada.

É importante consultar o pediatra, caso as cólicas não passem, para que possa ser indicado algum medicamento que aliviem as dores.

Como aliviar a cólica em bebê

Para aliviar as cólicas dos bebês,  pode-se seguir algumas dicas:

Massagear a barriga do bebê

  1. Massagear a barriguinha do bebê com movimentos circulares usando óleo infantil ou creme hidratante.;
  2. Aquecer o abdômen com uma bolsa de água quente, tendo cuidado para não deixar muito quente e provocar queimaduras;
  3. Com o bebê deitado de barriga para cima, empurrar as perninhas em direção ao abdômen, de forma a comprimir a barriga;
  4. Fazer movimentos de bicicleta com as perninhas do bebê;
  5. Colocar o bebê para arrotar depois de cada mamada;
  6. Dar um banho morno no bebê;
  7. Colocar o bebê em contato com a pele de um dos pais;
  8. Amamentar o bebê;
  9. Usar medicamentos que estimulem a liberação dos gases, sempre indicado pelo pediatra quando nenhuma outra técnica foi capaz de aliviar as cólicas.

Reações do Bebê ao Sentir as Cólicas

Quando o bebê sente cólicas é normal ele chorar muito.

Estas técnicas podem ser usadas juntas ou separadamente, até que se encontre a opção que melhor funciona para aliviar as cólicas no bebê.

Se ele estiver muito irritado é importante acalmá-lo primeiro, dando colo e, só depois, aplicar uma das técnicas para libertar os gases de forma natural.

Cólica em Bebê

Se nada funcionar, não dê remédios sem consultar primeiro o pediatra e experimente outras dicas naturais que possam ajudar.

Remédio caseiro para cólicas no bebê

Um dos remédios caseiros mais conhecidos para cuidar das cólicas do bebê que já não mama no peito é dar pequenas doses de chá de camomila e erva-doce.

Estas plantas medicinais possuem efeito antiespasmódico que alivia as cólicas e diminui a produção de gases.

No caso de bebês que mamam apenas no peito, a mãe pode beber estes chás, pois eles passam através do leite, podendo aliviar as cólicas no bebê.

Para fazer o chá: Coloque 1 colher (de chá) de camomila e outra de erva-doce em uma xícara com água fervente, deixar esfriar e depois coar e dar para o bebê.

Veja outra opção de remédio caseiro que ajuda a aliviar as cólicas no bebê.

Principais Causas – O Que Causa Cólica no Bebê

A principal causa de cólicas nos bebês é o fato de seu aparelho digestivo ainda ser imaturo.

Alguns bebês tem episódios de cólicas até os 6 meses.

No entanto, as cólicas também podem surgir devido à:

1. Ingestão de ar

Normalmente, enquanto o bebê mama, quando não pega corretamente na mama ou mamadeira ou mesmo quando chora muito, ou quando está agitado, aumenta a ingestão de ar, agravando a chance de ter cólicas.

Isso ocorre porque o bebê ainda não coordena a respiração com a capacidade de engolir.

Se o bebé estiver com o nariz tapado, devido a má pegada ou constipação também é natural aumentar a quantidade de ar ingerido, aumentando o risco de ter cólicas.

2. Intolerância à lactose

A intolerância à lactose é um problema que causa sintomas como diarreia, dor e inchaço na barriga e gases e, geralmente surgem entre 30 minutos a 2 horas depois de ingerir leite.

Normalmente, a intolerância à lactose surge em crianças maiores, adolescentes e, principalmente em adultos.

Caso a mulher amamente também deverá evitar os alimentos que têm leite.

3. Alergia ao leite de vaca

A alergia à proteína do leite de vaca pode causar cólicas, além de lesões na pele, coceira, vômitos e diarreia.

O diagnóstico dos casos de alergia ao leite de vaca ocorre no primeiro ano de vida da criança.

A criança que tem alergia a proteína do leite da vaca deve ingerir fórmulas hipoalergênicas ou não alérgicas, para evitar alergias e excluir a ingestão do leite de vaca e seus derivados.

4. Agitação

Um ambiente ruidosos e agitado pode deixar o bebê desconfortável e com medo, o que pode ser uma das causas da cólica em bebê.

5. Alimentação da mãe

A alimentação da mãe pode provocar cólicas no bebê.

Uma dieta balanceada para a mãe ajuda na prevenção das cólicas do bebe que é alimentado com leite materno.

É importante identificar os alimentos que provocam gases no bebê.

Mãe com Bebê no Colo

Podemos destacar alguns dos alimentos conhecidos por provocar esse tipo de efeitos:

  • Brócolis, couves, couve-flor, couve-de-bruxelas e alguns outros tipos de hortícolas da família das crucíferas;
  • Pimentos, pepino e nabo;
  • Feijão, grão, favas, lentilhas e ervilhas.

Os mesmos alimentos que provocam gases na mãe também são os que provocam no bebê e, por isso, para saber como o bebê está reagindo deve-se estar atento a alguns sinais após a mamada, como:

  • barriga inchada
  • choro
  • irritação
  • dificuldade em dormir

Se estes sinais forem evidentes, a mãe deve reduzir a quantidade e fracionar entre as refeições o consumo destes alimentos, para aliviar as cólicas no bebê.

Porém, se mesmo assim o bebê continuar a apresentar cólicas, pode ser necessário deixar de consumir estes alimentos pelo menos nos primeiros 3 meses de amamentação, e depois voltar a consumi-los em pequenas quantidades, testando a reação do bebê.

Deixe um Comentário